Segunda-feira, 5 de Março de 2007
Cardielos "Gaitas Galegas"

OBSERVÂNCIAS, na minha terra

Observâncias em CARDIELOS P5

 

No domingo, às dez horas  ouve recepção aos convidado dos Representantes de Gaitas de Portugal na Casa do Povo de Cardielos, em que a seguir ouve uma actuação da Banda de Gaitas “ZÉ Pedro” na Praça da República em Viana do Castelo, às treze horas um almoço convívio na Quinta D. Sapo em Cardielos.

Este almoço em que estiveram presentes “nosos hermanos  com as suas gaitas características, em que eles e elas muito bem sabem tocar, adorei as várias intervenções que fizeram, em especial dois irmãos, exímios tocadores de gaita de foles, sendo um deste o professor do grupo de Cardielos, claro que a música foi muito boa, depois de saborearmos um bom arroz de sarrabulho, sempre com aquele toque de paladar, tirado da varinha mágica do Manuel Correia, proprietário da Quinta D. Sapo.

Falando do Grupo de Gaitas de Cardielos, fiquei realmente surpreendido, gente n ova alguns de tenra idade, e como conseguem manobrar com, um tão à vontade o pau comprido e o saco debaixo do braço, folgo não lhes falta, até pareciam galegos, os meus parabéns.

Claro que as coisas não foram feitas ao acaso, os promotores deste invento, que são os dirigentes deste admirável grupo, tinham uma surpresa para mostrar, e demonstrar, assim um casalinho vestido a rigor, apresentou os futuros trajes do grupo, uma indumentária rica, que lhes fica mesmo a matar.

Os minhotos aceitam e vivem bastante este tipo de música, talvez porque estamos próximo da galiza , eu lembro-me de ter ouvido que quando Pedro Alvares Cabral chegou ao Brasil, deparou com milhares de índios na praia armados de flechas, e lanças num clima de hostilidade, perante aquele ambiente ele não sabia como proceder, porque embora estivessem bem armados eram poucos então chamou um minhoto de Vila Praia de Ancora e quando desembarcou nos pequenos botes, entrou na praia com os soldados e o tocador de gaita de foles à frente, e todos os índios os acompanharam a dançar e contentes e assim foram bem recebidos pelos chefes das tribos.

 

Parabéns à Casa do Povo e ao Grupo de Gaitas- João Alves



publicado por J. Alves às 00:09
link do post | comentar | favorito

1 comentário:
De Franc a 5 de Março de 2007 às 18:00
Sim senhor! Mais um naco de cultura. E que gostoso! Como é agradável ler o que tem para nos transmitir. Saudações bloguistas do Francisco.


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Dezembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29

31


posts recentes

DESPEDIDA DE 2017

BIFE DA PÁSCOA de 1974

QUIABO Abelmoschus escule...

TREVO CERVINO -­ PLANTAS ...

ERVA PRINCIPE -­ PLANTAS ...

ABELHAS ASIÁTICAS EM CARD...

16ª Meia Maratona Manuela...

CARDIELOS, NOS SEUS RECÔN...

AZEVINHO PLANTA MEDICINAL

IMPATIENS WALLERIANA-Plan...

arquivos

Dezembro 2017

Março 2016

Dezembro 2015

Outubro 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Junho 2013

Dezembro 2012

Julho 2012

Abril 2012

Novembro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Junho 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Dezembro 2010

Outubro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Abril 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

tags

todas as tags

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds