Sexta-feira, 30 de Abril de 2010
É PARA EMAGRECER- Erva-de-Chá Planta Medicinal

 

Plantas Medicinais, P32 – erva de chá

NOME;Científico- (Sida Rhombifolia) L)

FAMÍLIA; Malvaceaes

OUTROS NOMES, chá verde, malva preta, relógio, guaxima, , chá bravo, chá inglês, vassoura do campo, chá da terra, erva de chá, vassoura(Brasil), Bala (india)

Componentes:, Tanino, mussilagem, Efredina,

PROPIEDADES;, Emoliente, fortificante, sudorífico, diurético, estomáquico, tónico

PARTES UTILIZADAS: Toda a planta

Indicações ; Catarro, cólica menstrual, diarreia, asma, vias respiratórias, pedra no rins, febre, tosse, hemorroides), colesterol, hipertensão, erritação da pele, (alergias)

 

Recomendação; As ervas são perigosas quando tomadas em excesso, ou aplicadas indevidamente, tome cuidado

 

Na continuação das ervas do meu quintal

 

Não se fiem no título do post, e desculpem o meu sisudo cepticismo, mas, umas simples doses de infusão de chá só por si não dá para surripiar aqueles pneuzinhos inestéticos, que muito inchados vincam as roupas, e nos afrontam as laterais, (não é bem o meu caso até porque com esta recessão, já vamos apertando o cinto), sem dúvida que com o chá de algumas plantas com princípios activos, apropriados ajudam a melhorar a circulação sanguínea se  somando uma alimentação calibrada para o efeito, por esta via, creio que alguns  quilitos podem-se volatilizar, havendo em permeio, algo que tire a vontade de enfardar alimentos em exagero, no entanto, o título não tem qualquer motivo ilustrativo, alusivo ao tema, ou seja a senhora forte ao lado da   menina magra, que enchem de cobiça, as senhoras mais proporcionadas, que não conseguem entender, que gordura é formosura. Também nunca entendi, porque nas tais revistas da especialidade, não colocam o senhor gordo e o senhor  magro, algo assim como bucha e estica, bom, talvez não adiantasse muito. Esta lenga, lenga vem a propósito de quê!... Há do chá verde, eu conto. Há cerca de dois ou três anos não me recordo bem, uma amiga minha falou-me numa planta intitulada lá na terra como planta do chá verde, pedi para me trazer uma planta ou estaca para eu transplantar, pois estava deveras curioso, porque a publicidade que me tinha feito da planta era muito boa, do género, a minha irmã emagreceu vários quilos com esse chá, a minha vizinha ficou mais elegante, ora como os meus amigos me pedem constantemente, plantas para chá que façam emagrecer, só que eu sei de antemão que com eles não há chá que resulte, até porque nunca estão desidratados. A planta veio e não tinha nada a ver com a planta do chá verde que é feito da Caméllia Sinensis, tentei saber outros nomes populares, para conseguir chegar ao nome científico, mas não consegui identificar a planta, como sou incapaz de fazer qualquer chá de planta desconhecida, transplantei-a num local mais afastado  do quintal, e quase a esqueci porque era uma planta sem identidade, assim iria cair no esquecimento, deu flor e sementes cresceu até um metro e vinte, cada vez que eu passava por ela, sentia uma vontade enorme de saber a  sua verdadeira identidade, isso aconteceu hoje quando analisava  na internet plantas de uma determinada reserva botânica, em que ela se insurgia como infestante e se propagava através das sementes e das raízes que brotam lanços para o exterior. Consultei vários sites estrangeiros, do Canadá, da Austrália, Inglaterra, etc, em que havia muita informação, é uma planta utilizada para vários remédios inclusive, para emagrecer, certo que para este efeito, deverá ser acompanhado com actividades físicas, a alimentos seleccionados, para ajudar a esvaziar os pneus,

 

Esta planta è um pequeno arbusto perene, erecto ramificado, com folhas alternadas, flores solitárias pequenas, nas axilas das folhas, sépalas unidas tipo cálice, em forma de estrela, com discreta pelugem, não precisa de qualquer cuidado de cultivo, sol, ou meia sombra e pouca água, as semente amadurecem, em pequenos invólucros, caem por gravidade e são espalhadas pelo vento. De manhã muito cedo, foi verificar se a planta ainda existia, estava muito esguia, num estado quase deplorável, não tinha flores  nem botões, deu para perceber que não se deu muito bem com o inverno, mas também porque ela é perene e dura cerca de dois anos, novos rebentos vão nascendo, e os mais velhos vão secando, quando a tinha na estufa, estava bem nutrida com as folhas maiores, e com melhor aspecto. Tirei  uma foto para mostrar as folhas mirradas, procurei outras fotos tiradas há bastante tempo onde se podiam ver botões e flores, só que  não encontrei o ficheiro, logo que o encontre, o colocarei neste post. Ao experimentar quebrar um pequeno galho, para fazer estacas, como não tinha uma tesoura, torci-o  repetidas vezes para o tentar quebrar, é rígido como arame. E isso vai ao encontro do que li num determinado site, na índia além do chá que é muito utilizado, também fazem cordas com esta planta e também se fazem vassouras.

 

Era bom, que alguém que tenha conhecimentos sobre esta planta, possa enviar comentários, para nos dar a conhecer, ou nos rectificar, em prol do conhecimento comum.



publicado por J. Alves às 01:09
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Dezembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29

31


posts recentes

DESPEDIDA DE 2017

BIFE DA PÁSCOA de 1974

QUIABO Abelmoschus escule...

TREVO CERVINO -­ PLANTAS ...

ERVA PRINCIPE -­ PLANTAS ...

ABELHAS ASIÁTICAS EM CARD...

16ª Meia Maratona Manuela...

CARDIELOS, NOS SEUS RECÔN...

AZEVINHO PLANTA MEDICINAL

IMPATIENS WALLERIANA-Plan...

arquivos

Dezembro 2017

Março 2016

Dezembro 2015

Outubro 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Junho 2013

Dezembro 2012

Julho 2012

Abril 2012

Novembro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Junho 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Dezembro 2010

Outubro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Abril 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

tags

todas as tags

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds